Linha do Tempo



_Menina,
Olho para trás na linha do tempo
E te vejo querendo alcançar uma estrela,
Não mais que uma.
Entre flores, versos e espinhos
Vejo-te nascer poesia,
Mas tuas feridas sangram
E agora,
O que mais queres de mim?
Aqui estou, pronta para realizar
Os sonhos que cultivastes.
Muito já fiz, mas posso fazer mais
Só para te fazer feliz...
Prometo.

_Mulher,
Entre flores, versos e espinhos
Cresci poesia
Minhas feridas já não sangram mais
Cuidastes bem delas.
Olho para frente na linha do tempo
E te vejo
Alcançando minha estrela
Não mais que uma
Vejo que cuidas em realizar meus sonhos
Mas não faças promessas
Vives apenas cada dia.

Zezinha Lins

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Versos Improvisados

TUDO PASSA