sábado, 8 de outubro de 2011

O CORAÇÃO E A RAZÃO


Sou céu, sou ar, sou terra...
Natureza viva em plena Primavera.
Grama molhada pelo orvalho da noite
Lavam meus pés.
Caminho pela vida descalça, desarmada...
Asas de borboletas num coração inquieto
Pronto pra voar
Mas...
A razão me prende ao chão
Perto das flores,
Longe da vertigem do vôo.
Olho para o céu,
Respiro o ar,
Sonho...
E permaneço na terra.
Mas nunca vou desisti de voar.

Zezinha Lins

11 comentários:

Severa Cabral(escritora) disse...

Zezinha minha linda não te vejo por lá e sinto saudades...
Suas escritas são encantadoras...
bjssssssssssss

Del Rodrigues disse...

Oi amiga,saudade! Passei para ver as novidades, andei sumida...curso de gestão acabou sexta e nele fui aprovada, por isso pude fazer a prova hoje de manhã, veremos como me saí...bem tentei!
Adorei seu poema, como sempre fico encantada com sua facilidade em escrever coisas lindas!Que Deus a ilumine sempre!
Essa semana (terça) teremos a festinha da criança lá na escola...muito trabalho pela frente...Tenha uma semana de muita Paz e luz! beijocas e até breve...

ONG ALERTA disse...

Voar é poder imaginar...beijo Lisette.

Zé Carlos disse...

Lindo seu poema sempre M. J.
Bjs do ZC

Anônimo disse...

Olá Zezinha até que enfim estou aqui novamente. Adoro seu blog e o poema "O Coração e a Razão" é lindo demais. A Mãe Natureza deve ter adorado tb.
Ao invés de colocar a foto coloquei o do meu blog e como nada é por acaso vá lá me visitar
Beijos com carinho,
Beki

Sonhadora disse...

Minha querida

Deixar de voar e deixar de sonhar, é morrer um pouco.
Como sempre adorei o poema e deixo um beijinho com carinho
Sonhadora

Marcia disse...

Dom de termos asas ,e almejar sonhos!bjs!

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Não desistir
de voar,
é entender
que a vida
necessita
de alturas.


Que os sonhos te habitem
o coração, sempre...

Malu disse...

Sempre há que se ter equilíbrio entre razão e coração, minha amiga!
Abraços

Suzane Weck disse...

ADOREI "O coração e a razão".Que poesia linda;Creio que me encaixei dentro dela.Parabens por tão linda inspiração.Grande abraço.

Pedagoga Viviane disse...

Olá Zezinha, adorei seu blog e já levei seu link comigo. Te ofereço o selinho de aprovação (aba ofereço) vc merece! Tentei ser sua seguidora ,mas não consegui tentarei mais tarde...bjs

Poema sem registro

Numa folha de papel em branco Fiz de ti, poesia Versos concebidos em silêncio  Total ausência de grafia Segredos que não ouso ...