sábado, 20 de novembro de 2010

DEVANEIOS


A menina sonha no seu quintal

Entre flores, sol , água  e devaneios:


“Ah! Esse amor que não persiste

Simplesmente porque não existe

É apenas um sonho...

Esse amor que não abraça,

Que não afaga,

Que não aquece,

Que não aparece...

Ah, esse amor perdido no tempo

No vento, em algum lugar...”


Ela senta à sombra da árvore

Descansa da luta diária

Depois,  como uma lagarta

Rasteja e recolhe-se em seu casulo...

Mas há de vir o dia

Em que a menina sonhadora

Voará feliz

Como uma linda borboleta

A mais linda que alguém já viu.

Feliz daquele que conseguir um dia

Decifrar suas cores e seus mistérios,

Tornando realidade

Os sonhos da menina borboleta.



Zezinha Sousa


14 comentários:

Beki Bassan disse...

Zezinha querida, andas sumida. Agora estou aqui
no seu blog e acabei de ler seu lindo poema Devaneios. Muito doce, gostoso de se ler mas com
um profundo sentimento.
Beijos,
Beki

ARFERLANDIA disse...

Improvisando com sentimento.

A borboletinha, decerto, voará
por entre flores e as cores da Primavera.
Então a brisa do sonho a levará
até aos braços de quem por ela espera.

Na beleza das palavras que nos diz
Colocando no poema a tal esperança
de um futuro livre, mas feliz
que se todos quisermos se alcança.

Um abraço amigo e fraterno

Bem Haja pelo poema

ARFER

Marli Boldori disse...

Zezinha,estou em falta com você,porém cá estou.
Quanta sensibilidade em seu blog.Parabéns!
Querida,deixei um selo para você "Partidas e Chegadas",passe em meu blog e o retire.Beijos!

Poesia do Bem disse...

oie Zeznha ainda ne tive tempo de te contara "historia né? mas asim que sobrar um tempo mando email te faalndo srrsrssr, saudades!Seuspoemas lindos como sempre!

Arnoldo Pimentel disse...

Que coisa linda esse poema, tudo de bom pra você,beijos.

Jessonalva FIGUEIRÔA disse...

Passei para te dar um boa noite.

Marcelo Pirajá Sguassábia disse...

Belo devaneio, Zezinha. Parabéns e obrigado pelo comentário no Consoantes REticentes. Abraços.

Vieira Calado disse...

Um dia...

Há sempre um dia!

Um dia chegará!...

Bjs

Zé Carlos disse...

Um dia depois que se esquecerem da sua publicação posso postar este poema lindo?

Bjs Zezinha, que sua semana seja maravilhosa... ZC

Silviah Carvalho disse...

Que lindo, romântico, suave. Parabéns, seus textos são cheios de ternura.
BJS AMIGA.

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Penso que jamais
conseguiremos decifrar
completamente este sonho,
embora estejamos
a buscá-lo por
toda a nossa vida...

Sua amizade é preciosa para mim.

MEUS PENSAMENTOS disse...

MINHA LINDA! DESCULPA A AUSÊNCIA A SAUDE ANDA FRACA,MAS SEMPRE QUE VENHO AQUI,ACABO POR ME ENCONTRAR EM TUA SENSIBILIDADE VC É DESTAS POETISAS COMO A MELLISS NEM PRECISA A GENTE FALAR VC DIZ TUDO!
UM BEIJO ,UM BOM DIA!LINDO MESMO PARABÉNS POETISA!

Denise disse...

Realizar sonhos é privilégio de quem sabe esperar, mas não esquece de tentar, a cada dia.

Tem um desafio pra vc lá no blog, Zezinha.
Bjos

Zé Carlos disse...

Oi garota, concordo que este poema é lindo mas vc é uma fonte inesgotável de lindas inspirações, amanhã vou ver um novo post?

Bjs do Zé

Tecelã do Tempo ( Resenha )

Fonte: blog Pedagoga Literária. https://pedagogaliteraria.blogspot.com.br/ Livro:  Tecelã do Tempo Autora:  Zezinha Lins Editora: ...