sábado, 25 de janeiro de 2014

OS VERSOS QUE TE FIZ



Os versos que te fiz
Tem orvalho como as madrugadas
Que brilha como cristal sob a luz do luar,
Tem o calor quase insuportável de um dia de verão,
Tem o frio em busca de aconchego nos longos dias de inverno,
Tem a nostalgia do outono nas folhas secas caídas no chão,
Tem o perfume das flores que enfeitam a primavera,
Tem a complexidade e a simplicidade que existe na ação de amar.
Tem tanto sentimento...
Mas não te inquietes...
Não tem nada de importante
Nos versos que te fiz.

Zezinha Lins








3 comentários:

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Escrever um verso
para alguém,
é perfumar palavras
com o que possuímos
de mais importante na vida:
o amor...

Ser feliz,
é deixar-se engravidar
pela simplicidade da alegria.

Ana Cláudia Albuquerque disse...

Que poema lindoooooo! Parabéns, poetisa!

Ana Cláudia Albuquerque disse...
Este comentário foi removido pelo autor.

Tecelã do Tempo ( Resenha )

Fonte: blog Pedagoga Literária. https://pedagogaliteraria.blogspot.com.br/ Livro:  Tecelã do Tempo Autora:  Zezinha Lins Editora: ...