segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Tô Filmando



O céu levemente nublado com suas espessas nuvens brancas e cinzas que mais pareciam uma mistura bicolor de algodão australiano, observava o grupo de amigos aprendizes de futebol. Não dava pra perceber claramente se eles se divertiam com a bola ou se a bola se divertia com eles.
Naquele campinho simples num terreno baldio, entre chutes, cansaço e muito suor, cada um deles disfarçadamente sentia-se importante, um iniciante Neymar ou um Messi quem sabe, na difícil missão de conseguir driblar os adversários e enfiar a teimosa bola no gol. Tarefa que parecia impossível, mas a diversão estava garantida e vez ou outra acontecia o inesperado e desejado fruto daquela batalha com a redonda, saía um gol festivamente valorizado pelo autor do grande feito.
O céu, com seu semblante tranquilo, a tudo observava e sorriu quando ouviu um dos expectadores exclamar: _ É pra filmar, o sargento mandou! É pra filmar a bola ou o sargento? Tô filmando tudo!
Quem ganhou? Quem perdeu? Não importa... O encontro era o personagem principal. No dia seguinte daquela aventura semanal restaria apenas as dores musculares acarretando um “ai” ao levantar e um “ui” ao sentar. Nada que os fizessem desistir, na próxima semana tem mais. 


Zezinha Lins

domingo, 23 de outubro de 2016

O Som do Sonho


Cada nota que sai do piano,
Um verso...
E a melodia repleta de poesia
Entra pelos poros,
Invade os sentidos,
Agora, fechas os olhos e sonhas...
Eleva o espírito. Depois oferta-nos teus sonhos
Em forma de música com poesia.

Zezinha Lins

domingo, 16 de outubro de 2016

Afã


Ás vezes

O Sol da minha solidão

Se esconde por trás de espessas nuvens azuis

Suscito asas de águia

Num voo diligente e perseverante

Vou ao céu

Com as mãos pálidas,

Rasgo as nuvens azuis

De lá, retiro o meu Sol

Sim

Agora, novamente,

Há um Sol na minha solidão


Zezinha Lins

Tecelã do Tempo ( Resenha )

Fonte: blog Pedagoga Literária. https://pedagogaliteraria.blogspot.com.br/ Livro:  Tecelã do Tempo Autora:  Zezinha Lins Editora: ...