terça-feira, 16 de julho de 2013

O PRÍNCIPE E A BAILARINA


Montado num cavalo branco

Belo e imperfeito como tudo ao seu redor

Como tudo nessa vida,

O principezinho cavalgava.

Entre árvores e pássaros,

Um lago tranquilo...

Um rancho...

Completavam a magia

Daquele lindo lugar

Onde a infância realmente acontecia.

 

O principezinho cresceu

Em terras distantes,

Num homem se tornou

O amor o procurava?

Ou ele procurava o amor?

E assim aconteceu o encontro

Entre o príncipe e a bailarina.

Entre véus, beijos e sonhos

Ela dança, dança, dança ...

E a vida segue seus passos

Passos da dança que encanta

Que alegra, que enfeitiça

É o amor que chegou pra ficar

O amor da bailarina.

 

Zezinha Lins

 

Poema sem registro

Numa folha de papel em branco Fiz de ti, poesia Versos concebidos em silêncio  Total ausência de grafia Segredos que não ouso ...